Venda de imóveis cai 60,5% em julho em SP

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A venda de imóveis novos residenciais em São Paulo diminuiu em 60,5% de junho para julho e chegou a 828 unidades, segundo pesquisa do Secovi, o sindicato da habitação. Em relação ao julho de 2015, a queda foi menor, de 20,5%.

De janeiro a julho, foram comercializados 8.022 imóveis residenciais na capital. O volume é 25% inferior ao total vendido no mesmo período de 2015.

Na avaliação dos analistas do Secovi-SP, o mercado continua concentrado em imóveis de valores até R$ 500 mil e a redução no volume de vendas em julho já era esperada. No entanto, a expectativa é que haja reação no segundo semestre.

“A perspectiva de adoção de medidas que estimulem o setor e, consequentemente, possam desencadear o processo de crescimento econômico, também nos leva a crer que haverá um ambiente mais favorável aos negócios e aos investimentos”, afirma o presidente do Secovi-SP, Flavio Amary.