Jornalista da GloboNews é expulso de ato pró-Lula

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O repórter Gabriel Prado informou e sua equipe foi hostilizada por manifestantes que apoiaram o ex-presidente Lula na última quarta-feira (10) em Curitiba.

O rapaz foi expulso do local e teve que se refugiar na sacada de um edifício residencial da região, de onde terminou o trabalho de narrar o acontecimento.

Desde 2013, situações de agressão pipocam pela imprensa, como foi o caso de Caco Barcellos, atingido por um cone de trânsito durante manifestações no ano passado.